INTESTINO SOLTO

Comprei Fred com três meses, vacinado, numa feira de filhotes. Logo depois, ele apresentou fezes moles. O veterinário achou que a causa era protozoário resistente e Fred tomou antibióticos, vermífugos, antiespasmódico e um probiótico, mas continuou com as fezes moles. Elas foram submetidas a exame com o Método de Faust e cols. (1939), em 3 coletas com intervalo de sete dias, e nada foi encontrado. Paramos com a medicação. Fred é alegre e come bem. Só damos ração de qualidade (já fizemos algumas trocas de marcas). A pessoa que me vendeu o cão garante que nenhum dos irmãos de Fred tem o problema. Como acabar com as fezes moles? Sandra Margareti Jacó Felix, Mococa, SP.

 

Sandra, já que o exame de fezes descartou a presença de parasitas, o problema pode ser alergia a algum componente de ração ou de outro produto que esteja sendo ingerido, como petiscos ou algo que ele encontre no jardim. A causa pode ser também metabólica (digestiva). Há exames específicos para identificar o problema de Fred. Sugiro um ultra-som para ver se há inflamação no intestino, indicação de alergia. Se for comprovada, será preciso adotar uma ração especial para sensibilidade alimentar (há algumas, no mercado). Se preferir, pode tentar dar comida caseira (arroz, carne e legumes) e ver se o intestino se normaliza. Em geral, a sensibilidade a alimentos passa com o crescimento do cão, que pode voltar a comer ração normal. (Cyntia Peixoto, consultora de Cães & Cia e responsável pela Clínica Pêlo & Pena, SP).