Plantas destruídas

Veterinário: Consultóres Técnicos 21/01/2015 - 20:50:05

Meu cachorro de 7 meses destrói as plantas do jardim. Já briguei muito com ele, mas não resolveu. O que devo fazer?

R: lá Amanda, comportamentos exploratórios como cheirar, cavar e brincar são normais em cães, ainda mais em filhotes. Mas podem trazer bastante dor de cabeça para os humanos. É o que chamamos de comportamentos normais, mas indesejados do ponto de vista humano, já que para os animais essas atividades são simplesmente brincadeira e exploração. Para nós, o que está errado é o “brinquedo” ou o local escolhido. Em geral, dois grandes motivos podem levar os cães à destruição de plantas. Um é o tédio e a falta de opção para brincar e explorar. Outro é a decorrência de problema comportamental. Por exemplo, o animal que não é estimulado mental e fisicamente, em especial até os 4 meses de idade, pode apresentar alterações comportamentais. É importante que um médico-veterinário avalie a saúde geral do cão. Às vezes, o animal come terra em busca de nutrientes que faltam na alimentação. Pode, também, cavar por sentir ansiedade ou estresse decorrentes de alterações no metabolismo. Além disso, como o seu cão já destruiu plantas, correu risco de toxicidade aguda ou crônica dependendo dos tipos de plantas com as quais teve contato. Se a causa da destruição não for clínica, a estratégia é oferecer diversão e atividades para consumir o excesso de energia do cão e reduzir o interesse dele por plantas. Compre ou faça você mesmo brinquedos que motivem o filhotinho a se divertir. Por exemplo: quebra-cabeça para conseguir ganhar petiscos, achar petiscos escondidos pela casa, ter um cantinho com areia para cavar. Crie sessões de 10 minutos para ele praticar duas ou três vezes por dia com você e sua família. Façam brincadeiras como pegar bolinha, cabo-de-guerra e pega-pega, com o objetivo de o cão queimar bastante energia. Em paralelo, para ajudar a interromper o hábito de ir até as plantas, impeça o acesso à área que ele destrói, cercando-a, por exemplo. É importante também ressaltar que broncas só pioram a situação. Criam mais ansiedade no cão sem agir na causa do problema. Carolina Rocha, especialista em comportamento animal (www.carolinarocha.com.br).

Pergunta enviada por: Amanda - Gta / AC

Perguntas relacionadas

21/03/2015 - 03:06:38