Queda excessiva de pêlos

Veterinário: Médico Veterinário 25/08/2015 - 20:36:21

Houve aumento descomunal na queda de pelos do meu Buldogue Francês de 8 meses. Não troquei a ração dele e ele continua comendo normalmente, mas quando varro a casa recolho um grande monte de pelos. Isso é normal? Existe medicamento que reduza a queda?

R: Nathalia, o Buldogue Francês não é mais suscetível que as demais raças caninas à queda de pelos. Também, no Brasil, não há época precisa de maior perda de pelos, ao contrário do que acontece nos países com estações do ano bem definidas, onde o fenômeno se manifesta mais no verão e na primavera. Considera-se que a muda é normal quando os pelos estão sendo plenamente repostos. Nesse caso, a pelagem se apresenta completa, sem rarefação nem falhas, e com a pele sem lesões nem coceira intensa, descamação (caspa) ou oleosidade excessiva. Já quando ocorre algum desses sintomas, é importante recorrer a um veterinário experiente em dermatologia. Diferentes problemas podem causar a queda excessiva de pelos e o diagnóstico correto é essencial para o tratamento dar certo. Entre as verificações costumeiras estão as alterações hormonais (endocrinopatias), as deficiências nutricionais, as alergias, as sarnas (dermatites parasitárias) e as infecções bacterianas, fúngicas ou virais. Dra. Cibele Nahas Mazzei, especializada em dermatologia veterinária, da Dermatopet, de São Paulo (www.dermatopet.com.br).    

Pergunta enviada por: Nathalia Teixeira Severino - Visconde do Rio Branco / MG

Perguntas relacionadas

26/06/2017 - 15:54:49

Castrar por: Cleonice Maria Martins

R: Olá Cleonice! Somos uma revista especializada em cães, não...

05/03/2017 - 06:17:30

Estou realizando um evento de pit gameness em Ibirité-MG e gostaria de saber qual o valor para anunciar na revista. por: André Rocha Guedes

R: Olá André! O Contato para valores de anúncios...

06/12/2016 - 21:01:55

Meu Shih Tzu de 5 meses está comendo fezes. O que eu faço? Já o levei ao veterinário e nada resolveu. por: Maria De Lourdes Camargo

R: A coprofagia (ato de comer fezes) ainda não foi amplamente desvendada,...