Todo cão de raça pode participar de exposição?

03/04/2017 - 08:14

A resposta é sim! Se você já pensou em apresentar seu cão em exposição canina de beleza, entenda um pouco mais sobre o que é preciso para tornar esse sonho realidade

iStock/©Ksuksa

iStock/©Ksuksa

É fácil ficar fascinado por exposições caninas. Centenas de cães, dos mais perfeitos, alguns exóticos, outros nem tanto, desfilam e são avaliados por árbitros especializados em raças caninas.

Uma apreciadora desses eventos é a secretária e criadora Zênia Moura, de Artur Nogueira, SP. Tudo começou em 1981, quando ela tinha 18 anos e viu uma movimentação atípica no ginásio esportivo da escola pública em frente ao prédio onde estava. “Fui xeretar e era uma exposição de cães; nunca mais me esqueci do desfile de Collies que presenciei”, relembra. Agora Zênia visita exposições sempre que pode. “Sonho em apresentar meus Border Collies nas pistas e, como estou para me aposentar, finalmente terei tempo para realizar esse desejo”, anima-se. Foi com esse objetivo que ela fez recentemente o curso Apresentação/Condução de Cães para Exposição (Handler) do Kenel Clube São Paulo (KCSP). “Éramos mais de 60 alunos”, comenta.

Para quem deseja ir mais fundo no universo das exposições caninas, como aconteceu com Zênia, trazemos diversas dicas e orientações. Tomamos como base as regras da Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC), responsável pela grande maioria dos registros de cães em nosso país e pela maior parte das exposições cinófilas realizadas em solo nacional.


Saiba mais adquirindo a edição 454 da revista Cães & Cia.

https://www.editoratopco.com.br/loja/caes-e-cia/categoria