8 conselhos de ouro que todo vet gostaria que você seguisse

04/09/2018 - 13:19

No mês dos veterinários, saiba quais são as orientações fundamentais que esses profissionais gostariam que fossem seguidas por todos

iStock.com/ Kerkez

iStock.com/ Kerkez

Nossos pets nunca pedem nada em troca. Não querem nada além da nossa companhia e, se possível, um petisco bem gostoso. Para retribuir esse carinho nós, tutores, temos o dever de garantir que nossos animais recebam pelo menos todos os cuidados básicos para que sejam saudáveis. Nessa nobre missão, contamos com o apoio de um profissional que é indispensável na vida de nossos pets: o veterinário. Neste mês, em que se comemora o dia do veterinário no dia 9, preparamos uma homenagem aos profissionais que fazem de tudo para que os pets tenham a qualidade de vida que merecem. Para isso, listamos 8 orientações que devem ser colocadas em prática por todo tutor responsável. 

 

1. Socialização dos pets desde cedo

Para os tutores que levam a criação de seus cães ou de qualquer outro animal a sério, a socialização a partir dos 3 meses de vida irá ajudar em seu desenvolvimento físico e emocional, tornando-o um animal seguro e independente. Porém alguns donos, por falta de informação ou orientação direcionada, desconhecem essa prática e optam por criar seus pets de forma humanizada demais. “Um animal socializado é muito menos estressado e possui a capacidade de interagir com outros pets e pessoas. Aqueles que não passaram por esse processo de aprendizagem, sofrem quando são expostos a desafios ou mesmo quando ficam doentes e precisam de tratamento”, explica Carla Berl, médica-veterinária do hospital veterinário Pet Care, em São Paulo.


 

Leia a reportagem na íntegra adquirindo a edição 470. Clique aqui!

https://www.caes-e-cia.com.br/loja/