Desmistificando o Labrador Retriever

05/11/2018 - 17:43

Apaixonante e carismático, ele é rodeado por fatos que, por vezes, não são verdadeiros. Saiba quais são reais e os que não passam de mitos

Foto: Cinnamire Labradors/Proprietário do cão: Chilbrook Labradors

Foto: Cinnamire Labradors/Proprietário do cão: Chilbrook Labradors

Poucas raças merecem tanto sucesso quanto o Labrador. E não é para menos. Ele se notabiliza por ser um companheiro amável e apegado, muito carinhoso com crianças e amigável com outros cães e animais de estimação. “É esse seu caráter sociável que o faz tão popular em todo mundo”, enfatiza Debby Kay, do canil Chilbrook Labradors, dos Estados Unidos. Lá, inclusive, a raça foi a que mais teve registros em 2017, segundo o American Kennel Club (AKC). Já no Brasil, no mesmo período, ela foi a 22a em quantidade de registros, de acordo com a Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC).

Engana-se, porém, quem acha que ele é apenas um ótimo companheiro. O Labrador também se destacaa como cão de serviço, seja atuando como guia de cegos, como cão de busca e resgate ou para a detecção de drogas e explosivos. “Extremamente treinável, tem muita vontade de agradar e adora aprender”, ressalta Luciane Guidi, que, junto do marido Avatar Santos, cria a raça pelo Lacadus Kennel, de Itápolis, SP.

Leia a reportagem na íntegra adquirindo a edição 472. Clique aqui!

https://www.caes-e-cia.com.br/loja/