Treinando o cão para obedecer sem guia

Categoria: Educação/ Consultório

Autor(a): ANDRÉ BARRETO | 19/11/2014 - 14:49

Soltar o cão da guia em um parque para que possa correr e brincar livremente é o sonho de consumo de muitos proprietários de cães. Saiba como fazer isso com segurança

Brincar livremente no parque: Ótimo para o cão, mas é preciso conseguir controlá-lo à distância

Brincar livremente no parque: Ótimo para o cão, mas é preciso conseguir controlá-lo à distância

Antes de soltar o cão em ambiente público, é importante que ele aprenda a vir até você assim que for chamado e que você esteja a par de algumas regras para aumentar a segurança dele e não perturbar a comunidade.
 
Vir até você no primeiro chamado
Em sessões de 20 a 40 minutos, de preferência diárias ou, pelo menos, três vezes por semana, pratique o seguinte exercício em local público, inicialmente com poucas distrações.
Coloque uma corda de algodão com 5 a 10 metros de comprimento ou uma guia longa atrelada à coleira ou peitoral do cão. O acessório deve ser o mais leve e macio possível e, ao mesmo tempo, ter resistência para conter o cão caso ele tente fugir.
Brinque com o cão e anime-o a explorar o local, com a corda sempre frouxa. Para tanto, acompanhe-o de modo que ele consiga se movimentar à vontade, como se estivesse solto.