Alerta: Placa bacteriana pode afetar os rins do seu cão!

Categoria: Educação/ Consultório

Autor(a): Cibele Ruiz Grupo Ipet | Colaborador(es): Jornalismo Top.Co. | Cidade: Campinas | 29/05/2018 - 16:55

Cães com doença renal podem ficar ainda mais debilitados por causa da placa dentária. Veja como prevenir esse mal.

iStock/ AndreyPopov

iStock/ AndreyPopov

Higiene bucal é algo indispensável para a saúde humana e, com nossos amigos de quatro patas, não é diferente. No entanto, apesar de ser imprescindível, a minoria dos tutores se atenta para o problema. A falta de escovação dentária, além da sensação de sujeira e do mau hálito nos cães, podem causar doença periodontal.
 
A doença periodontal em cães é um dos problemas orais mais comuns em pets, afetando mais de 85% dos animais com mais de cinco anos de idade. O desenvolvimento dessa doença ocorre pelo acúmulo de placa bacteriana e tem relação direta com o tipo de alimentação e ausência de escovação bucal dos animais.


iStock/ Ericlefrancais
 
Além de comprometer a dentição e os tecidos de sustentação, o problema pode levar ainda ao surgimento de doenças sistêmicas, como a hepatite, inflamação de articulações, doenças cardíacas e renais. As bactérias presentes na boca causam uma inflamação da gengiva que pode sangrar durante a mastigação ou mesmo durante as brincadeiras. O sangramento facilita a penetração das bactérias na corrente sanguínea e, essas podem acumular em outros órgãos.


iStock/ cynoclub
 
No caso dos rins, especificamente, a boca com presença de cálculos dentários, independente se está no início ou em um estágio mais grave, pode levar ao desenvolvimento da doença renal crônica, uma condição difícil de ser diagnosticada que acaba sendo percebida em estágios avançados, quando o cão ou gato passa a apresentar insuficiência renal.
 
A placa bacteriana dos animais é igualzinha à do ser humano, se desenvolve em 24h. Mas, apesar dos problemas serem os mesmos, a pasta dental utilizada por nós, humanos, são tóxicas para os animais. Nesse sentido, é indispensável procurar um creme dental desenvolvido especialmente para os pets.


iStock/ andriano_cz
 
Felizmente, hoje já é possível encontrar produtos de ótima qualidade, desenvolvidos para higienização bucal de cães e gatos. Eles evitam a formação de placa bacteriana, previnem o mau hálito, gengivite e também os tártaros, além de ajudar no clareamento dos dentes. Com cuidados especiais, você garante a saúde do seu melhor amigo por muito mais tempo.

 

Cibele Erreiras Ruiz é médica veterinária, especializada em nefrologia/urologia na Clínica Veterinária Bele Bichos e é consultora do Grupo Ipet.