Kurilian Bobtail é gato ou coelho?

Categoria: Gatos

Autor(a): Samia Malas | Colaborador(es): Jornalismo Topco | Cidade: Campinas - SP | 03/07/2018 - 17:02

Saiba mais sobre essa raça felina que já é criada no Brasil e aceita pelas principais entidades da gatofilia

Foto: Johnny Duarte/ Gatil Sons of Avalon

Foto: Johnny Duarte/ Gatil Sons of Avalon

Raças de gatos cuja cauda se assemelha a um charmoso pompom encantam gateiros pelo mundo. Um em particular, o Kurilian Bobtail, ou Kurilean, como é chamado pela Federação Internacional Felina (FIFe), inclusive, já foi trazido para o Brasil em 2015 pela veterinária Andrea Valete Machado e Bruno Masini, do gatil Sons of Avalon, de São Paulo, conforme noticiado na seção Radar Pet da edição 438 da revista Cães & Cia.

Natural das ilhas Curilas e Sacalinas, situadas entre a Rússia e o Japão, existem documentos que comprovam a presença de gatos sem cauda nessa região por ao menos 200 anos. Tais felinos foram trazidos à Rússia central na metade do século XX, e começaram a ser criados em 1990 pelas russas Lilia Ivanova, do gatil Kunashir, que se dedicou aos exemplares de pelo longo, e Tatiana Botcharova, do gatil Renessance, que apreciava mais os exemplares de pelo curto. E logo se tornaram populares no país, principalmente por suas habilidades na caça a ratos e outros pequenos animais.

"Com apenas 4 meses de idade, na primeira vez que o deixei explorar a área externa da casa, Clinton caçou uma cobra", conta, satisfeita, a criadora Anfim Petrovskii, do gatil True Kurilians que atualmente vive na Itália, em Piedmont, mas em 2010, quando começou a criar Kurilians, ainda morava na Rússia. Embora popular na Rússia e em alguns outros países da Europa, nos Estados Unidos a raça ainda é praticamente desconhecida havendo cerca de 100 exemplares em todo o continente, segundo a The International Cat Association (Tica).

Leia a reportagem na íntegra adquirindo sua Cães & Cia edição 468. Clique aqui!